Top 5 de museus e galerias de arte em Xangai

02/03/2019

Queremos que experimente o melhor que a cultura do Xangai tem para oferecer, começando pelos museus e galerias de arte que não pode perder.

Xangai, Shenzhen e Hong Kong são os centros comerciais e financeiros mais importantes da China, mas conhece bem as diferenças entre estas cidades? Hoje mostraremos a maior diferença - a cultura.

Além de super estruturas, shoppings opulentos e o comboio comercial mais rápido do mundo indo e vindo de Shanghai Pudong International, ainda há muitas coisas que precisa de saber sobre a cidade. Pode encontrar um monte de exposições de arte, dança ou teatro, concertos e muio mais nesta cidade. Para experimentar a verdadeira cultura de Xangai, hoje começaremos com os cinco principais museus e galerias de arte que não pode perder.

Pequim e Xangai são duas das capitais de arte da China e, caso queira uma definição clara entre as duas, diríamos que Pequim pode abrigar a maior comunidade de artistas, mas Xangai tem um cenário mais internacional, onde os elementos chineses e ocidentais combinam perfeitamente.

Créditos: @ shallwe0317

A Bienal de Xangai é o evento de arte contemporânea de maior destaque em Xangai e a Bienal de Arte mais bem estabelecida da China, lançada em 1996. Desde 2012, está sediada na Power Station of Art, o primeiro museu estatal dedicado à arte contemporânea.

Com um enorme termómetro de néon no topo da chaminé do edifício, o próprio espaço transformou o horizonte de Xangai. Acreditamos que a parte interessante da Bienal de Xangai é a de destacar particularmente as conquistas da produção artística asiática ao enfatizar as possibilidades dessas obras de arte desafiarem a divisão convencional do mundo entre o Oriente e o Ocidente.

No hall: "Um passo em frente, dois passos para trás"

O conceito da 12ª Bienal de Xangai é “Proregress”, uma palavra feita a partir da combinação das palavras progresso e regressão. Proregress estava acostumado a criticar provocativamente as narrativas do iluminismo ocidental que seguem o progressismo, enquanto isso sugere a ambivalência e a ansiedade do início do século XXI provocadas pela transformação e estagnação que contradizem tanto otimistas quanto pessimistas.

Para o título chinês, foi escolhido o conceito de “禹 步” (Yubu) ”, a etapa básica de dança mística do ritual taoísta na China antiga. No entanto, essas obras ilustram o compromisso de transformar as nossas sensibilidades em novas formas de viver, imitando a maneira como a arte contemporânea e a cultura confrontam as complexidades do nosso tempo. Então, se quiser encontrar algo profundo, recomendamos que veja esta exposição, mas certifique-se de se apressar, pois fecha no dia 11 de março.

De qualquer forma, se não conseguir chegar à XII Bienal de Xangai, não se preocupe, a Power Station of Art abriga uma série de exposições itinerantes e há sempre algo novo e que vale a pena conferir.

Endereço: No. 200 Huayuangang Rd. Xangai, 200011, China

Horário: terça - domingo: das 11:00 às 19:00

O Long Museum é um museu de arte particular em Xangai, e também a maior coleção de arte particular da China, fundada por Liu Yiqian e a sua esposa Wang Wei. O museu tem dois locais em Xangai: o Long Museum Pudong e o Long Museum West Bund. Devido ao fato de que a arte em exibição inclui exemplos de arte tradicional chinesa, arte chinesa moderna e contemporânea, e ainda "clássicos vermelhos" da Ásia e da Europa, é difícil definir a exposição em termos de estilo. No entanto, como um museu privado de classe mundial, o Long Museum não é para ser desperdiçado, especialmente porque pode encontrar obras-primas requintadas de Qi Baishi, Li Hua, Quan Shanshi, Chen Yifei e Guan Liang.

long museum

Créditos: @Oak Taylor-Smith

Endereço: No. 3398 Longteng Ave., Xanghai, 200000, China

Horário:

Terça-feira / quarta-feira / quinta-feira: 10:00-18:00 (últimos ingressos vendidos às 17:00)

Sexta-feira / sábado / domingo: 10:00 - 9:00 (últimos ingressos vendidos às 20:00)

Fechado às segundas-feiras.

O Yuz Museum está localizado ao longo do West Bund, no distrito de Xuhui. Como uma organização sem fins lucrativos sob a égide da Fundação Yuz, talvez seja o único museu que encontrou um equilíbrio perfeito entre marketing e valor artístico. O museu esforça-se para promover a exposição e o desenvolvimento da arte contemporânea e para melhorar a compreensão e a valorização da arte contemporânea pelo público. Graças ao enorme tamanho do Museu Yuz, com uma área total de 9.000 metros quadrados, o espaço enfatiza perfeitamente a magnificência das instalações da coleção YUZ e exibe peças de arte que valem a pena ser vistas.

Museu Yuz

Exposição atual: "Rain Room" da Random International

Endereço: No. 35 Fenggu Rd., Xanghai, China

Horário:

Terça - domingo: das 10: 00h às 21: 00h

Sexta - Sábado: 10:00 - 12:00

  • Minsheng Art Museum

O Museu de Arte de Xanghai Minsheng foi estabelecido pelo Banco Minsheng da China com o objetivo de promover a arte e a cultura contemporânea. Devido à sua missão de “trazer a arte para o público; trazer as pessoas para o universo da arte”, esforçaram-se para derrubar as barreiras e fechar a lacuna entre a arte e o público em geral. Portanto, se é a primeira vez que visita uma exposição, recomendamos que escolha este museu de arte de gestão privada.

Minsheng Art Museum

Créditos: http: //www.minshengart.com/pt

Endereço: 1929, Shibo Ave, Pudong Xinqu, Xangai, China

Horário: terça a domingo, das 10:00 h às 18:00 h

  • Museu de Arte Rockbund (RAM)

Desde a sua inauguração em 2010, que o Rockbund Art Museum alcançou grande renome devido às suas exposições de aclamados artistas chineses e internacionais. A única coisa que precisa de saber é que não é apenas mais um museu de arte contemporânea em Xangai e que contém uma série rotativa de exposições inovadoras e influentes de artistas internacionais e renomados localmente. Há sempre algo interessante dentro do seu edifício Art Déco minimalista da década de 1930.

rockbund art museum 1 (big)

Endereço: 20 Huqiu Road, distrito de Huangpu, Xangai

Horário: terça a domingo, das 10:00 h às 18:00 h

ONDE FICAR

Se quiser experimentar a atmosfera artística de Xangai, sugerimos que fique no Mingtown Nanjing Road Youth Hostel, uma propriedade única que combina o melhor da tradição moderna e chinesa. Localizado no coração da cidade, oferece serviços de alta qualidade e diferentes tipos de quartos. É um ponto de partida ideal para visitar esta cidade maravilhosa.

mingtown nanjing hostel

Planeia a tua estadia

Últimas posts no blog

12 Hostels com os melhores Rooftops de sempre

12 Hostels com os melhores Rooftops de sempre

lê mais

Barcelona, ​​Ibiza e Sète: Bem-vindo ao World Club Dome Cruise Edition 2019

Barcelona, ​​Ibiza e Sète: Bem-vindo ao World Club Dome Cruise Edition 2019

Venha connosco para uma das viagens mais versáteis da sua vida: Barcelona, ​​Ibiza e Sète. Um cruzeiro com os melhores DJs do mundo: o World Club Dome Cruise Edition 2019. lê mais

Uma viagem pela Andaluzia: Málaga, Sevilha, Córdoba e Granada

Uma viagem pela Andaluzia: Málaga, Sevilha, Córdoba e Granada

lê mais

Descubra qual o festival de música em Portugal perfeito para você

Descubra qual o festival de música em Portugal perfeito para você

É verão na Europa e você ainda não sabe onde vais passar os próximos meses? Gostariamos de lhe sugerir alguns festivais em Portugal! lê mais

Diário de viagens em Portugal: como aproveitar ao máximo os destinos de verão de 2019

Diário de viagens em Portugal: como aproveitar ao máximo os destinos de verão de 2019

Portugal é o rei dos destinos de Verão! Encontre neste artigo todos os conselhos e dicas em exclusivo do diário de viagem da Monelle Chiti a Portugal! lê mais

PASSATEMPO: Hostelsclub + Ostello Bello = 'Belli Together'

PASSATEMPO: Hostelsclub + Ostello Bello = 'Belli Together'

PASSATEMPO para celebrar o mês do Orgulho Gay (Pride). lê mais

Ver mais artigos >